A A A
Maceio/AL - Manifestantes realizam ato em frente ao Circo Estoril PDF Imprimir E-mail
Aconteceu - Manifestações
17-Jan-2010

Estudantes e representantes do Núcleo de Educação Ambiental Francisco de Assis (Neafa), realizaram na tarde deste domingo (17) um ato pacífico em frente ao circo Estoril, que está na cidade desde a última sexta (15). O objetivo é chamar a atenção sobre a questão da presença de animais no circo.

“Queremos sensibilizar o governo e a sociedade civil sobre as condições em que estes animais são mantidos em circos, privados de seus instintos e habitat natural. Eles são acorrentados, mantidos em espaços inapropriados e ninguém sabe a situação da alimentação e cuidados médicos que eles recebem, representam até risco de saúde pública, uma vez que eles podem transmitir alguma doença desconhecida. Circo Legal não tem animal, ninguém conhece a realidade dos bastidores”, afirma a estudante Evelin Marques.

Uma lei que proíbe a presença de animais em circos foi colocada em votação na Câmara Municipal, mas foi vetada pelo Prefeito de Maceió, Cícero Almeida. Vários outros estados do País já proíbem a prática. Há informações de que o mesmo circo foi proibido de se instalar na Bahia devido à proibição. O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) esteve no local realizando vistoria e não constatou irregularidades.

Para Ângela Cheloni, do Neafa, a mobilização tem o objetivo de conscientizar à população sobre a condição em que estes animais são retirados da natureza e também sobre o tratamento que eles recebem. Ela informou ainda que deve entrar, nos próximos dias, com um recurso junto ao Ministério Público Estadual (MPE) e o Ministério Público Federal (MPF)no sentido em que essa proibição se caracteriza minimamente a um âmbito Estadual. Uma reunião está sendo marcada com a presença do MPE, MPF, Instituto do Meio Ambiente (IMA), Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Assembléia Legislativa do Estado (ALE), Ibama e sociedade civil. O encontro deve acontecer até a segunda quinzena de fevereiro deste ano.

Devido ao ato, algumas famílias que visitariam o circo desistiram do programa e boicotaram o circo. A Polícia Civil foi acionada pela organização do Estoril e apenas observavam de longe.

Os manifestantes tentaram fazer contato com a organização do circo, mas sem sucesso. Procurada pela nossa reportagem, a direção se mostrou indiferente à manifestação. “Eles não sabem o dia a dia do circo”, desdenhou uma das funcionárias do Estoril, que proibiu também que fossem feitas imagens sequer externas. O circo mantém em seu 'elenco' cavalos, camelos e até um elefante. A direção afirma que há um veterinário responsável pelos animais.

Além de shows com animais, o circo Estoril tem atrações como espetáculo de trapezistas, globo da morte, malabaristas, palhaços, entre outras. Não há previsão de quando irão desarmar as lonas. Novos atos estão marcados para esta semana.

EstorilEstorilEstoril

 

por Jaqueline Silva

 
< Anterior

Gostou? Compartilhe em sua rede social.

Escolha o Idioma

Veja também

Nossas Lutas
Aconteceu
Utilidade
Direito Animal
Cyberativismo
Textos
Fatos Reais
Websites e Blogs
Curiosidades
Galeria

Anunciantes

J_Adore_Mes_Amis_Le_Bidou
 
 
Roberto Roperto - Pizzas Vegetarianas
Nova pagina 1

Mantenha-se atualizado

Escolha como deseja se comunicar conosco ou receber as nossas notícias e informações. Estamos no Facebook, pode ser também pelo RSS FEED clicando ao lado direito, pelo TWITTER, no nosso BLOG ou então pelo nosso Grupo no YAHOO. Quer assistir alguns vídeos interessantes, acesse o nosso Canal no YouTube. Não será por falta de opções que você ficará desinformado. Não é mesmo?

Direitos Reservados - Tribuna Animal