A A A
Assembleia aprova lei regulamentando a vaquejada no Piauí PDF Imprimir E-mail
Noticias - ANIMAIS - BRASIL
09-Nov-2016

Leia mais em: Especial Vaquejada

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) aprovou na reunião de hoje (09) Projeto de Lei de autoria do deputado João Mádison (PMDB) que regulamenta a vaquejada como prática desportiva e cultural no Piauí e institui medidas de proteção e combate aos maus tratos com os animais durante o evento.Estiveram presentes membros da Associação dos Vaqueiros do Piauí. “Estamos felizes com essa atitude do deputado João Mádison que reconhece a importância da vaquejada no Piauí e Nordeste. As pessoas precisam conhecer sobre a vaquejada para falar com conhecimento de causa, percebo que há muita ignorância quanto ao tema, creio que seja intolerância. Muitos empregos diretos e indiretos dependem desta prática”, disse o presidente da Associação, Ravi Lages.A Lei estabelece as normas para a realização dos eventos; do bem-estar animal e a obrigatoriedade, durante todo o evento de equipe médica veterinária. O autor da matéria defende que a vaquejada é tradição cultural nordestina, gerando mais de 5 mil empregos diretos e 30 mil empregos indiretos. “No Piauí são mais de 800 vaquejadas o que movimenta cerca de 500 milhões de reais por ano”, justifica o deputado João Mádison.O relator da matéria deputado Severo Eulálio (PMDB) deu parecer favorável sugerindo emenda artigo 7º, parágrafo 3ºque versa sobre as responsabilidades da Agência Estadual de Desenvolvimento Agropecuário do Piauí – ADAPI; Conselho Regional de Medicina Veterinária; Associação de Vaqueiros Amadores do Piauí na realização de eventos. O Projeto de Lei segue para o Plenário. Isolda Monteiro

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) aprovou na reunião desta quarta-feira (09), Projeto de Lei de autoria do deputado João Mádison (PMDB) que regulamenta a vaquejada como prática desportiva e cultural no Piauí. A proposta, aprovada em primeira e segunda votações em plenário, institui medidas de proteção e combate aos maus tratos com os animais durante o evento.

Estiveram presentes membros da Associação dos Vaqueiros do Piauí. “Estamos felizes com essa atitude do deputado João Mádison que reconhece a importância da vaquejada no Piauí e Nordeste. As pessoas precisam conhecer sobre a vaquejada para falar com conhecimento de causa, percebo que há muita ignorância quanto ao tema, creio que seja intolerância. Muitos empregos diretos e indiretos dependem desta prática”, disse o presidente da Associação, Ravi Lages.

A Lei estabelece as normas para a realização dos eventos; do bem-estar animal e a obrigatoriedade, durante todo o evento de equipe médica veterinária. O autor da matéria defende que a vaquejada é tradição cultural nordestina, gerando mais de 5 mil empregos diretos e 30 mil empregos indiretos. “No Piauí são mais de 800 vaquejadas o que movimenta cerca de 500 milhões de reais por ano”, justifica o deputado João Mádison.

O relator da matéria deputado Severo Eulálio (PMDB) deu parecer favorável sugerindo emenda artigo 7º, parágrafo 3ºque versa sobre as responsabilidades da Agência Estadual de Desenvolvimento Agropecuário do Piauí – ADAPI; Conselho Regional de Medicina Veterinária; Associação de Vaqueiros Amadores do Piauí na realização de eventos. O Projeto de Lei segue para o Plenário.

Texto: Isolda Monteiro Edição: Paulo Pincel
Fonte: Alepi

http://www.portalodia.com/noticias/alepi/assembleia-aprova-lei-regulamentando-a-vaquejada-no-piaui-287713.html

Saiba Mais

 
< Anterior   Próximo >

Gostou? Compartilhe em sua rede social.

Escolha o Idioma

Veja também

Nossas Lutas
Aconteceu
Utilidade
Direito Animal
Cyberativismo
Textos
Fatos Reais
Websites e Blogs
Curiosidades
Galeria

Anunciantes

J_Adore_Mes_Amis_Le_Bidou
 
 
Roberto Roperto - Pizzas Vegetarianas
Nova pagina 1

Mantenha-se atualizado

Escolha como deseja se comunicar conosco ou receber as nossas notícias e informações. Estamos no Facebook, pode ser também pelo RSS FEED clicando ao lado direito, pelo TWITTER, no nosso BLOG ou então pelo nosso Grupo no YAHOO. Quer assistir alguns vídeos interessantes, acesse o nosso Canal no YouTube. Não será por falta de opções que você ficará desinformado. Não é mesmo?

Direitos Reservados - Tribuna Animal