A A A
Gato do mato, tucano e cascavel são capturados em Maringá e região PDF Imprimir E-mail
Noticias - ANIMAIS - BRASIL
20-Nov-2012
Rubia Pimenta
A Polícia Ambiental teve bastante trabalho na tarde de segunda-feira (19). Em Maringá foram capturados dois animais silvestres: um gato do mato, conhecido também como maracajá, e uma cobra cascavel. Em Nova Esperança, um tucano foi encontrado na zona rural.

O gato do mato entrou em uma residência no Jardim Borga Gato, em Maringá. O proprietário, Jaime Ferracin, viu o animal em uma árvore do quintal. O bicho se assustou e correu para dentro de um quarto, e ficou escondido embaixo da cama.

A Polícia Ambiental conseguiu capturá-lo facilmente. O felino tem aproximadamente dois anos e pesa cerca de cinco quilos. Ele passou por uma avaliação de biólogos, que constataram seu bom estado de saúde, e foi devolvido à natureza posteriormente.

O filhote de cascavel foi encontrado na Avenida Mitsuzo Taguchi, perto de um contêiner de lixo. Ele foi visto por uma moradora da região, que avisou a Polícia Ambiental rapidamente. O animal também já foi solto na natureza.

Gato do mato se escondeu no quarto de uma residência do Conjunto Borba Gato - RIC TV Record
Gato do mato se escondeu no quarto de uma residência do Conjunto Borba Gato - RIC TV Record
 
O tucano foi encontrado por um agricultor de Nova Esperança. Ele foi capturado e está passando por um tratamento veterinário, uma vez que sua asa está esfolada. "A ave deve ser devolvida a seu habitat natural assim que estiver curada", fala o sargento Paulo Sérgio Ferreira, da Polícia Ambiental.

Até 10 animais capturados por dia

A Polícia Ambiental de Maringá atende 54 municípios da região. O resgate de animais silvestres ocupa grande parte de suas atividades: eles realizam entre cinco e 10 capturas por dia. "Muitas vezes não conseguimos dar conta de todos os pedidos", fala o sargento.

Para o policial, o aumento de capturas de animais silvestres é um mau sinal. "Isso significa que o homem está invadindo o habitat natural deles, através de queimadas, desmatamentos, loteamentos construídos onde antes era mata. Eles fogem e acabam buscando alimento nas cidades", explica.

Acionar a Polícia Ambiental quando encontrar um desses animais é importante para evitar acidentes e preservar o animal. "Eles podem ser atropelados, sofrer quedas, ou mesmo serem mortos por pessoas que ficam medo", fala.

A Polícia Ambiental atende nos telefones (44) 3227-4356 ou (44) 3901-1936. Denúncias podem ser feitas gratuitamente no 0800-643-0304.
 
 

 
< Anterior   Próximo >

Gostou? Compartilhe em sua rede social.

Escolha o Idioma

Veja também

Nossas Lutas
Aconteceu
Utilidade
Direito Animal
Cyberativismo
Textos
Fatos Reais
Websites e Blogs
Curiosidades
Galeria

Anunciantes

J_Adore_Mes_Amis_Le_Bidou
 
 
Roberto Roperto - Pizzas Vegetarianas
Nova pagina 1

Mantenha-se atualizado

Escolha como deseja se comunicar conosco ou receber as nossas notícias e informações. Estamos no Facebook, pode ser também pelo RSS FEED clicando ao lado direito, pelo TWITTER, no nosso BLOG ou então pelo nosso Grupo no YAHOO. Quer assistir alguns vídeos interessantes, acesse o nosso Canal no YouTube. Não será por falta de opções que você ficará desinformado. Não é mesmo?

Direitos Reservados - Tribuna Animal