A A A
Justiça suspende vaquejadas em Manaus e mais três municípios PDF Imprimir E-mail
Noticias - ANIMAIS - BRASIL
18-Nov-2016

A Vara Especializada do Meio Ambiente e de Questões Agrárias (VEMAQA) aceitou nesta sexta-feira (18) o pedido do  Ministério Público do Estado do Amazonas (MPAM) e suspendeu eventos de vaquejadas em Manaus, Iranduba, Presidente Figueiredo e Rio Preto da Eva.

A decisão do juiz Victor André Liuzzi Gomes diz que o Estado e a Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Amazonas (Adaf) não podem apoiar ou realizar eventos com vaquejadas, “provas de laço” ou aparelhos que causem dor aos animais. Ao Governo cabe cancelar imediatamente aportes financeiros e processos administrativos que tenham esta finalidade e a Adaf o embargo de todos os eventos.
 
 
 
 
< Anterior   Próximo >

Gostou? Compartilhe em sua rede social.

Escolha o Idioma

Veja também

Nossas Lutas
Aconteceu
Utilidade
Direito Animal
Cyberativismo
Textos
Fatos Reais
Websites e Blogs
Curiosidades
Galeria

Anunciantes

J_Adore_Mes_Amis_Le_Bidou
 
 
Roberto Roperto - Pizzas Vegetarianas
Nova pagina 1

Mantenha-se atualizado

Escolha como deseja se comunicar conosco ou receber as nossas notícias e informações. Estamos no Facebook, pode ser também pelo RSS FEED clicando ao lado direito, pelo TWITTER, no nosso BLOG ou então pelo nosso Grupo no YAHOO. Quer assistir alguns vídeos interessantes, acesse o nosso Canal no YouTube. Não será por falta de opções que você ficará desinformado. Não é mesmo?

Direitos Reservados - Tribuna Animal