A A A
Mulher acusa vizinho de matar cachorro de estimação com chute em Porto Alegre/RS PDF Imprimir E-mail
Noticias - ANIMAIS - BRASIL
29-Abr-2016
 
Dona do animal diz que homem saiu do prédio, a xingou e chutou o cão.
Isabel Maciel, 48 anos, diz que tentou pedir desculpas, mas homem agrediu.


Rafaella Fraga e Roberta Salinet - Do G1 RS e da RBS TV

Yorkshire Theo foi morto ao ser chutado por vizinho, relata dona (Foto: Arquivo Pessoal/Isabel Maciel)


Um cachorro morreu após ser agredido por um homem quando a dona passeava com o animal na noite de quinta-feira (28) no bairro Santana, em Porto Alegre. Segundo Isabel Cristina Maciel Luz, 48 anos, o cão Theo, da raça Yorkshire, foi chutado após fazer xixi na calçada em frente a um prédio. Um morador teria se incomodado com o ato.

Vivendo no bairro há 11 meses, quando se mudou com o marido e a filha, a professora relata que levou o cachorrinho para passear por volta das 19h. Ela andava com o animal, preso na guia, pela Rua São Luiz, onde há bastante movimento de pessoas e estabelecimentos comerciais. O cão fez xixi na calçada em frente a um prédio. Em seguida, segundo ela, um homem saiu do edifício e se aproximou.
“Eu estava de costas e ele veio, me xingou de ‘vagabunda’. Eu fui pedir desculpa, e ele deu um chute tão forte que levantou o cachorro. Ele caiu e não conseguia mais se mexer”, conta a mulher ao G1. Ela relata que o agressor ainda fez ameaças a ela. “Ele dizia que ia pegar uma arma em casa. Era um homem enorme, fiquei com medo”, acrescenta.

Dona chora ao lembrar da morte do cão (Foto: Roberta Salinet/RBS TV)
Dona chora ao lembrar da morte do cão (Foto: Roberta Salinet/RBS TV)
Desesperada, ela socorreu o cão e o levou ao veterinário às pressas. No entanto, Theo não resistiu e morreu. “Ele fraturou o baço, o rim, as costelas, teve traumatismo craniano”, detalha a mulher, aos prantos. “Nem deu tempo de fazer a cirurgia”, lamenta.

A mulher registrou boletim de ocorrência na 11ª Delegacia de Polícia da capital. No documento, há a descrição física do homem: branco, cerca de 1,86m de altura, gordo, com idade entre 55 e 60 anos, calvo. Usava camisa xadrez, calça jeans e botas de couro.

No entanto, a identidade dele ainda não foi confirmada. A Polícia Civil investiga. “Pelo que consta aqui, é mesmo o vizinho dela. Mas precisamos ter um nome, um endereço, algo mais específico para identificá-lo”, afirma o delegado Adilson Carrazzoni dos Reis, titular da 11ª DP e responsável pelo caso.

Conforme ele, um termo circunstanciado de ocorrência (TCP), que é o registro de um fato tipificado como infração de menor potencial ofensivo, por crueldade contra animais, deve ser remetido ao Fórum para apuração.

Transtornada com o caso, a família não pretende ter um novo animal de estimação. "Ele era como um filho. Foi muito sofrimento", diz a professora.
http://g1.globo.com/rs/rio-grande-do-sul/noticia/2016/04/mulher-acusa-vizinho-de-matar-cachorro-de-estimacao-com-chute.html

Saiba mais

...otilde;es.   Segundo a dona do bichinho, Isabel Cristina Maciel Luz, ela andava com o cão, Theo, preso na guia, quando ele fez xixi na calçada em frente a um prédio. Um home...
01-Mai-2016

 

 
< Anterior   Próximo >

Gostou? Compartilhe em sua rede social.

Escolha o Idioma

Veja também

Nossas Lutas
Aconteceu
Utilidade
Direito Animal
Cyberativismo
Textos
Fatos Reais
Websites e Blogs
Curiosidades
Galeria

Anunciantes

J_Adore_Mes_Amis_Le_Bidou
 
 
Roberto Roperto - Pizzas Vegetarianas
Nova pagina 1

Mantenha-se atualizado

Escolha como deseja se comunicar conosco ou receber as nossas notícias e informações. Estamos no Facebook, pode ser também pelo RSS FEED clicando ao lado direito, pelo TWITTER, no nosso BLOG ou então pelo nosso Grupo no YAHOO. Quer assistir alguns vídeos interessantes, acesse o nosso Canal no YouTube. Não será por falta de opções que você ficará desinformado. Não é mesmo?

Direitos Reservados - Tribuna Animal