A A A
Nomeado por Sarney Filho para Ibama já comemorou comer animal silvestre, denuncia associação PDF Imprimir E-mail
Noticias - ANIMAIS - BRASIL
11-Ago-2016
 

 
Nomeado pelo ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, como superintendente do Ibama em Tocantins, Luciolo Cunha Gomes brincou em 2013, que tinha "medo" de ser flagrado pelo órgão de fiscalização ao comer um animal silvestre.

A  Associação Nacional dos Servidores da Carreira de Especialista de Meio Ambiente (Ascema Nacional), publicou um post atribuído a Lucíolo de 28 de julho de 2013, em que ele escreveu "Deliciando pernil de Caitutu (...) o medo aqui é só aparecer o IBAMA... rsss".



Caçar e utilizar animais silvestres sem permissão das autoridades ambientais é crime ambiental cuja pena varia de 6 meses a um ano de prisão, além de multa.

O caitutu também é conhecido como "porco do mato".

Gomes, que é advogado, foi nomeado em 9 de agosto no lugar de Flávio Luiz de Souza Silveira, biólogo e servidor de carreira.
 
 

 
< Anterior   Próximo >

Gostou? Compartilhe em sua rede social.

Escolha o Idioma

Veja também

Nossas Lutas
Aconteceu
Utilidade
Direito Animal
Cyberativismo
Textos
Fatos Reais
Websites e Blogs
Curiosidades
Galeria

Anunciantes

J_Adore_Mes_Amis_Le_Bidou
 
 
Roberto Roperto - Pizzas Vegetarianas
Nova pagina 1

Mantenha-se atualizado

Escolha como deseja se comunicar conosco ou receber as nossas notícias e informações. Estamos no Facebook, pode ser também pelo RSS FEED clicando ao lado direito, pelo TWITTER, no nosso BLOG ou então pelo nosso Grupo no YAHOO. Quer assistir alguns vídeos interessantes, acesse o nosso Canal no YouTube. Não será por falta de opções que você ficará desinformado. Não é mesmo?

Direitos Reservados - Tribuna Animal