A A A
ONG realiza II Manifesto Contra Rodeio e Vaquejada no Amazonas PDF Imprimir E-mail
Noticias - ANIMAIS - BRASIL
28-Mar-2014
 
A manifestação pacífica, realizada pela primeira vez ano passado, almeja chamar a atenção para os maus-tratos sofridos pelos animais nesses eventos

Manaus (AM), ACRITICA.COM*
A ONG União de Política Animal (UPA) realizará amanhã (29), a II Manifestação Contra Rodeio e Vaquejada, a partir das 16h, no Parque Feirão da SEPROR (antigo Parque da Expoagro), localizado na Avenida Torquato Tapajós, bairro Santa Etelvina.

O movimento de natureza pacífica acontece para alertar o poder público e a população sobre os maus-tratos sofridos pelos animais nas práticas de Rodeio e Vaquejada. Segundo os diretores da Organização, essas provas atentam contra a integridade física e mental dos animais envolvidos, os quais são submetidos a altos níveis de dor e stress, mesmo sendo tratados por Médicos Veterinários, o que é apenas uma obrigação dos tutores desses animais, já que precisam dos animais sadios para suportarem tanto desconforto.A UPA realizou a primeira edição do Manifesto no ano passado, durante a 40ª edição da Expoagro, em Iranduba e contou com o apoio da ONG Compaixão Animal e protetores independentes. Na oportunidade, os Diretores da UPA, Diego Alencar e Elizandra Alves e o Médico Veterinário Jorge Carneiro, membro da ONG Grupo de Proteção aos Animais - GPA, reuniram-se com o responsável pela Secretaria de Produção Rural - SEPROR, Eron Bezerra, a fim de evitar a realização de tais provas, solicitação essa que não foi atendida.

A estudante de Medicina Veterinária e Diretora da UPA, Elizandra Alves, acredita que a realização do evento vem fortalecer a ideia de que a população de Manaus está acordando e repudiando qualquer atividade relacionada aos maus-tratos a animais de todas as espécies e que atualmente, com o alcance obtido pelas redes sociais, à sociedade não tolera mais esse tipo de comportamento criminoso. Também ressalta a importância de todos aderirem a esse movimento contra Rodeio e Vaquejada que se iniciou em 2013, apesar dessas atividades já acontecerem há 40 anos em Manaus, principalmente através da Expoagro."É inquestionável que nas provas de Rodeio e Vaquejada os animais são submetidos às práticas de maus-tratos, estudos médicos e julgados de vários tribunais assim se posicionam. Não se trata apenas das provas, há também a questão de que esses animais são submetidos à sobrecarga constante nos treinos que duram horas por dia, segundo divulgam os próprios peões e que sabemos que acontecem, realmente. Não é por acaso que essas provas são proibidas em vários municípios brasileiros, como Osasco, Ribeirão Preto, São Paulo, Rio de Janeiro e outras.”, ressalta a estudante.

De outro modo, Diego Alencar, funcionário público e diretor da UPA também ressalta: “É inadmissível que o Governo do Amazonas, que tem o dever de proteção à fauna conforme a Constituição Federal apoie eventos que realizam esse absurdo. Quem tenta justificar e até defender essas atividades é porque têm algum interesse econômico nela ou é admirador da mesma. O setor primário só tem crescido em nosso Estado, não necessitando do sofrimento de animais para obter mais sucesso econômico. Não somos contra a realização do I Feirão da Roça ou qualquer outro evento de agronegócio, apenas não aceitamos atividades que usem os animais de forma que fira seu bem-estar”, completa.Apesar do Manifesto, a Organização continuará aberta ao diálogo a fim de pacificar o assunto junto ao Governo do Amazonas, autoridades do Poder Legislativo e pessoas ligadas ao ramo do agronegócio, principais interessados nessa questão.

*com informações da Assessoria de Imprensa
 
 

 
< Anterior   Próximo >

Gostou? Compartilhe em sua rede social.

Escolha o Idioma

Veja também

Nossas Lutas
Aconteceu
Utilidade
Direito Animal
Cyberativismo
Textos
Fatos Reais
Websites e Blogs
Curiosidades
Galeria

Anunciantes

J_Adore_Mes_Amis_Le_Bidou
 
 
Roberto Roperto - Pizzas Vegetarianas
Nova pagina 1

Mantenha-se atualizado

Escolha como deseja se comunicar conosco ou receber as nossas notícias e informações. Estamos no Facebook, pode ser também pelo RSS FEED clicando ao lado direito, pelo TWITTER, no nosso BLOG ou então pelo nosso Grupo no YAHOO. Quer assistir alguns vídeos interessantes, acesse o nosso Canal no YouTube. Não será por falta de opções que você ficará desinformado. Não é mesmo?

Direitos Reservados - Tribuna Animal