A A A
Mais de 500 rinocerontes já foram mortos na África do Sul desde janeiro PDF Imprimir E-mail
Noticias - ANIMAIS - MUNDO
24-Jul-2013
 
Caça furtiva tem aumentado gradativamente há vários anos Foto: AFP
Caça furtiva tem aumentado gradativamente há vários anos Foto: AFP

O ritmo do massacre de rinocerontes continua a se acelerar na África do Sul, onde mais de 500 animais foram mortos desde janeiro de 2013, principalmente para alimentar o mercado asiático, onde os chifres são usados na medicina tradicional.

Esses números foram fornecidos nesta quarta-feira (24) por um alto funcionário do Ministério do Meio Ambiente, Fundisile Mketeni, ao apresentar um relatório sobre o assunto.

A caça furtiva tem aumentado gradativamente há vários anos: em 2012, 668 animais foram mortos por seus chifres na África do Sul, onde aproximadamente 80% dos rinocerontes vivem em estado selvagem.

A região mais afetada é o famoso Parque Kruger, na fronteira com Moçambique, onde os caçadores estão bem armados e equipados.

O governo sul-africano assegura que tem se esforçado para limitar o massacre, mas o números de animais mortos cresce a cada mês.

Fonte: AFP

 
< Anterior   Próximo >

Gostou? Compartilhe em sua rede social.

Escolha o Idioma

Veja também

Nossas Lutas
Aconteceu
Utilidade
Direito Animal
Cyberativismo
Textos
Fatos Reais
Websites e Blogs
Curiosidades
Galeria

Anunciantes

J_Adore_Mes_Amis_Le_Bidou
 
 
Roberto Roperto - Pizzas Vegetarianas
Nova pagina 1

Mantenha-se atualizado

Escolha como deseja se comunicar conosco ou receber as nossas notícias e informações. Estamos no Facebook, pode ser também pelo RSS FEED clicando ao lado direito, pelo TWITTER, no nosso BLOG ou então pelo nosso Grupo no YAHOO. Quer assistir alguns vídeos interessantes, acesse o nosso Canal no YouTube. Não será por falta de opções que você ficará desinformado. Não é mesmo?

Direitos Reservados - Tribuna Animal