A A A
Morte de gato folclórico deixa Manchester City de luto PDF Imprimir E-mail
Noticias - ANIMAIS - MUNDO
13-Jun-2013
 

A quarta-feira foi um dia de luto no Manchester City. O clube inglês lamentou a morte de um de seus personagens mais queridos nos últimos anos: o gato Wimblydon.

Com idade estimada em 14 anos, o simpático felino se tornou um visitante ilustre do centro de treinamento do Manchester City em Carrington. Originalmente, ele foi batizado como ‘Puss’, mas logo seu nome mudou.

Juan Carlos Osario, ex-preparador físico do City, tinha um sotaque carregado e virou motivo de piada ao mencionar que o rival do time no fim de semana seria o ‘Wimblydon’ (e não Wimbledon). O erro de pronúncia ‘batizou’ a nova mascote.

Para se ter ideia de como Wimblydon era querido no clube, o Manchester City até traçou um perfil oficial do bichano em seu site oficial: “Após uma década de serviços dedicados, ele pegou cerca de 200 ratos (e matou a maioria deles), comeu sete mil sachês de comida para gatos e bebeu mais de 100 litros de leite.”

Outro destaque da trajetória de Wimblydon também foi lembrado pelo Manchester City: “Ele foi o primeiro ser vivo a recepcionar Mario Balotelli”, em referência à primeira ida do atacante ao CT.
 
 

 
< Anterior   Próximo >

Gostou? Compartilhe em sua rede social.

Escolha o Idioma

Veja também

Nossas Lutas
Aconteceu
Utilidade
Direito Animal
Cyberativismo
Textos
Fatos Reais
Websites e Blogs
Curiosidades
Galeria

Anunciantes

J_Adore_Mes_Amis_Le_Bidou
 
 
Roberto Roperto - Pizzas Vegetarianas
Nova pagina 1

Mantenha-se atualizado

Escolha como deseja se comunicar conosco ou receber as nossas notícias e informações. Estamos no Facebook, pode ser também pelo RSS FEED clicando ao lado direito, pelo TWITTER, no nosso BLOG ou então pelo nosso Grupo no YAHOO. Quer assistir alguns vídeos interessantes, acesse o nosso Canal no YouTube. Não será por falta de opções que você ficará desinformado. Não é mesmo?

Direitos Reservados - Tribuna Animal