A A A
Novo “Couro” biodegradável de origem vegetal começará a ser vendido em 2016 PDF Imprimir E-mail
Noticias - ANIMAIS - MUNDO
09-Mar-2016
Rafael Gomes


Carmen Hijosa segura o “Fruto” da sua inovação

A designer inglesa, depois de fornecer produtos para lojas como Harrod’s e Liberty, ambas em Londres, trabalhou em um Centro de Design e Desenvolvimento de Produtos das Filipinas, onde percebeu as potencialidades da fibra do abacaxi.

O novo Piñatex é um material semelhante à lona, que é derivado de resíduos das folhas de abacaxi e foi criado pela designer espanhola Carmen Hijosa. Uma alternativa biodegradável e livre da crueldade e dos inúmeros impactos ambientais causados pela indústria cortiça, a Piñatex é vendida por cerca de 5 a 15 dólares por metro quadrado, tornando-o mais barato do que o couro dos animais e, por sua vez, uma alternativa atraente para ampliar a produção têxtil em larga escala de itens como mobiliário, interiores de automóveis e artigos esportivos.

A PhD Hijosa já realizou parceria com marcas como Puma e Camper para criar protótipos veganos de calçados e recentemente ganhou um prêmio de material inovador da Fundação das Artes do Reino Unido. Este material de couro falso é totalmente compostável e estará disponível comercialmente no primeiro semestre de 2016. 

Confira as fotos a seguir.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
 
< Anterior   Próximo >

Gostou? Compartilhe em sua rede social.

Escolha o Idioma

Veja também

Nossas Lutas
Aconteceu
Utilidade
Direito Animal
Cyberativismo
Textos
Fatos Reais
Websites e Blogs
Curiosidades
Galeria

Anunciantes

J_Adore_Mes_Amis_Le_Bidou
 
 
Roberto Roperto - Pizzas Vegetarianas
Nova pagina 1

Mantenha-se atualizado

Escolha como deseja se comunicar conosco ou receber as nossas notícias e informações. Estamos no Facebook, pode ser também pelo RSS FEED clicando ao lado direito, pelo TWITTER, no nosso BLOG ou então pelo nosso Grupo no YAHOO. Quer assistir alguns vídeos interessantes, acesse o nosso Canal no YouTube. Não será por falta de opções que você ficará desinformado. Não é mesmo?

Direitos Reservados - Tribuna Animal